Início » O que fazer quando a relação esfria
Relacionamento

O que fazer quando a relação esfria

O que fazer quando a relação esfria? No começo é tudo lindo e maravilhoso. Não queremos nos desgrudar do nosso amado por nada. É tal de beijinho aqui, abracinho ali e todos os “inhos” juntos naquele mar de amor sem fim.

Porém o fantasma de todo relacionamento vem para todos, principalmente para aqueles que não estão preparados para as tempestades. Com a convivência, a rotina acaba afastando um do outro. Ou pelo menos pensamos dessa forma.

É necessário entender que assim como nós, a relação também passa por momentos de transformação. Alguns não conseguem diferenciar “esfriamento” com “amadurecimento” e muitas vezes colocam tudo a perder, acelerando o processo.

É fato que as relações esfriam com o tempo. As novidades já não são novidades, já sabemos os pontos fortes e fracos do parceiro e com isso, naturalmente os dois acabam se acomodando. Dizem que nada acontece por acaso, nada vem do dia para a noite. Os sinais de que uma relação está se desgastando a princípio são quase imperceptíveis.

Se o casal está “antenado” quanto a isso, logo toma uma providência para inovar a união. Mas se os dois são do tipo “não dou o braço a torcer” e não fazem nada para mudar, infelizmente temos mais um caso de amor em direção ao fracasso. Esses são os primeiros a dizer: “não sei o que aconteceu, estava tudo tão bem entre nós.”

Atenção à falta do beijo e contato físico

Alguns alertas são vitais para você perceber se a sua relação está realmente esfriando. Alguns são muito óbvios. O primeiro sinal é o contato físico. Se vocês não se tocam com a mesma frequência de antes é sinal de que algo não está bem. O beijo também é outro fator que acusa tempos de crise. Casais que não se suportam mais, dificilmente se beijam.

Falta de interesse é outro fator de alerta

Geralmente o que mais denuncia que o relacionamento anda desgastado é a falta de interesse. Isso engloba tudo: falta de interesse no sexo, no diálogo, no toque, carinho, companhia e tudo o que se refere aos dois. Em pouco tempo o encanto acaba e abre espaço para indiferença, ciúmes, impaciência, mau humor e mais um milhão de etc.

A desculpa da Falta de Tempo

Se ele não tem mais tempo para você, vive inventando desculpas, está focado demais no trabalho, cuidado! Não se deixe levar pelos problemas do dia a dia, nem fique na velha zona de conforto. Se a situação persistir por um bom tempo, está na hora de agir.

Cansaço e stress também influenciam

Porém o distanciamento relacionado a estes fatores nem sempre é sinal de que a relação está esfriando. O cansaço e estresse podem fazer com que haja essa desconexão. Normal hoje em dia. Mas ao invés de cobrar e reclamar, procure conversar e entender os motivos desse afastamento. Mostre o quanto você sente a ausência dele, sem cobranças. E no momento em que o parceiro permitir, conversem sobre isso, para que você não force a barra e o afaste ainda mais.

O ideal é você descobrir qual é a fonte de todo este afastamento e buscar a solução do problema e não arranjar outros para deixar a situação pior ainda. Quando se sente doente por algum motivo, você não sai em busca de remédios? Claro que sim. Duvido que você queira piorar o seu estado. É mais ou menos assim que funciona quando a relação está esfriando.

Para aquecer os motores novamente primeiramente invista no diálogo. Creio que tudo se resolve primeiro por ai. Nada melhor que esclarecer de vez os pontos que estão incomodando ambos. Retomar o carinho e a intimidade é primordial.

Depois de uma boa DR, vamos à parte boa. Invista na vida sexual do casal tanto quanto investe na vida profissional e social. A máquina tem que funcionar! Sexo não é sinônimo de que deve ser feito somente à noite, depois da novela e tarefas domésticas prontas.

Retome a relação aos poucos

Gestos de carinho, bilhetinhos, surpresas, momentos de intimidade devem ser cultivados ao longo do dia. Pequenas atitudes e declarações de amor são importantes para manter o amor entre vocês. Se o primeiro afrodisíaco é amor, o segundo é a variedade. Criatividade para manter a chama da paixão acesa é o canal! Mostre o quanto o outro é desejável, não se acomodem, não abram espaço para a rotina.

Procurem entre a correria da vida encontrar um tempinho só para vocês, como na época de namoro. Lembram como era bom assistir a um filminho juntinhos comendo pipoca? Busquem o prazer de estarem juntos, não necessariamente no momento do sexo apenas, porque sexo não é tudo dentro da relação. É complemento!

Redescubram as atividades que faziam juntos, como ir ao cinema, aquela viagem há tempos adiada, matriculem-se numa escola de dança. A dança é ótima para conectar os corpos.

Aposte no inusitado, lembra-se daquela música especial, o perfume que mais agrada seu parceiro, prepare um clima especial na casa, compre um presente que tenha algum significado entre vocês, faça os carinhos que ele mais gosta, convide-o a ir a um lugar novo ou conhecer um novo motel. Transforme a rotina em sexo sempre que puder!

Tudo isso pode apimentar e aproximar vocês. Para que tudo na vida dê certo é preciso investimento. Então antes de reclamar da situação, perceba se não é você que está de mal com tudo, se não é você que está afastando o parceiro.

Pense nisso.

Gostou deste texto? Fique à vontade para comentar!
Visite também nossa página no FACEBOOK e nos acompanhe no INSTAGRAM.
Convidamos você a fazer parte de nossa Lista de Transmissão e receber diariamente dicas e novidades de nossa Loja Virtual. Entre em contato conosco pelo número: (11) 94392-4247  para ser adicionado em nossa Lista Vip.
Caso esteja lendo este texto pelo celular, CLIQUE AQUI e fale diretamente conosco.
E-book Contos Fetiche: Histórias Deliciosamente Reais

Sobre o autor

Blog Meus Fetiches

Meus Fetiches Sex Shop On-line. Loja especializada em brinquedos eróticos, vibradores e produtos sensuais, além de dicas e novidades sobre Sexo, Fetiches. Apimente o seu relacionamento!

Adicionar comentário

Clique aqui para postar um comentário