Início » O que é Fetiche?
Curiosidades

O que é Fetiche?

Hoje em dia, muito se fala de fetiche.  Mas, afinal, o que é fetiche? Percebo que a grande maioria não sabe ou confunde o conceito verdadeiro de fetiche. No dicionário, verificamos que é uma palavra de origem francesa “fétiche” e significa feitiço. Hoje ela está muito associada a elementos eróticos que podem ser desde meras fantasias sexuais até obsessões.

Na verdade, fetiche é uma espécie de obsessão por alguma coisa, uma situação, pessoa ou parte da pessoa. Esta fixação dá origem a um prazer intenso. Os mais comuns são aqueles referentes à parte do corpo da pessoa (pernas, pés, nádegas, mãos etc), até objetos utilizados por essa pessoa (roupas, uniformes, lingerie, sapatos, tatuagens etc). Temos ainda fetiches originados por situações diversas, desde fazer sexo em locais públicos, dentro dos automóveis, elevadores, com mais pessoas, entre outros. Ou seja, a principal atração num fetiche é justamente essa ideia de variação sexual que vai além do sexo comum e básico como estamos acostumados.

É claro que alguns fetiches são mais aceitáveis pela sociedade como fantasias sensuais, lingeries e uso de acessórios. Já outros fetiches são considerados mais polêmicos como sadomasoquismo. O fato é que fetiche sempre existiu e é algo intrínseco ao ser humano. Não se restringe a classe social, gênero ou época.

Todas as pessoas são fetichistas em algum grau. Quer um exemplo: você acha uma mulher de sapato alto sexy? Ou homens de uniforme atraente? Isso é fetiche! Essas preferências são fetiches! Não é nada errado e nem precisa ser totalmente estranho.

Por causa deste preconceito e olhar moralista da sociedade muitas pessoas têm vergonha de assumir seus fetiches e também de discuti-los com os parceiros, o que acaba muitas vezes impedindo a plena satisfação sexual. Realizar ou não realizar um fetiche, é uma escolha pessoal. E o individuo precisa estar seguro o suficiente para compartilhar suas vontades mais secretas com seu parceiro. Não deixar que as preferências sexuais atrapalhem a relação com o mundo exterior é fundamental, afinal sexo é uma atividade saudável e entre quatro paredes se é consentido, é permitido.

Para curiosidade de muitos, eis aqui alguns fetiches curiosos (alguns mais conhecidos, outros um tanto desconhecidos para a grande maioria):

Adstringopenispetrafilia: fetiche por amarrar pedras aos pênis.

Agorafilia: atração por copular em lugares abertos ou ao ar livre.

Amaurofilia: excitação da pessoa pelo parceiro que não é capaz de vê-la (não se aplica a cegos).

Asfixiofilia (asfixia autoerótica): prazer pela redução de oxigênio.

ATM (ass to mouth): prática em que o parceiro ativo, após o coito anal, leva seu pênis à boca da pessoa penetrada.

BBW: atração por mulheres obesas

Bondage: prática onde a excitação vem de amarrar ou/e imobilizar o parceiro.

Bukkake: modalidade de sexo grupal praticado com uma pessoa que “recebe” no rosto a ejaculação de diversos homens.

Clismafilia: fetiche por observar ou sofrer a introdução de enemas.

Coreofilia: excitação sexual pela dança.

Cronofilia: excitação erótica causada pela diferença entre a idade sexo-erótico e a idade cronológica da pessoa, porém em concordância com a do parceiro.

Exibicionismo: fetiche por exibir os órgãos genitais.

Fetiche por balões: excitação ao tocar balões de látex (usadas em festas).

Fisting: prazer com a inserção da mão ou antebraço na vagina (brachio vaginal) ou no ânus (brachio procticus).

Footjob: prazer através das carícias sexuais feitas com os pés.

Frotteurismo: prazer em friccionar os órgãos genitais no corpo de uma pessoa vestida.

Lolismo: preferência sexual e erótica de homens maduros por meninas adolescentes.

Masoquismo: prazer ao sentir dor ou imaginar que a sente.

Menofilia: atração ou excitação por mulheres menstruadas.

Nanofilia: atração sexual por anões.

Odaxelagnia: fetiche por mordidas.

Pigofilia: excitação sexual por nádegas.

Pirofilia: prazer sexual com fogo, vendo-o, queimando-se ou queimando objetos com ele.

Podolatria: fetiche por pés.

Pogonofilia: fetiche por barba.

Sadismo: prazer erótico com o sofrimento alheio.

Sadomasoquismo: prazer por sofrer e, ao mesmo tempo, impingir dor a outrem.

Smoking Fetish: excitação ocasionada pelo uso do fumo durante as relações sexuais.

Trampling: fetiche onde o indivíduo sente prazer ao ser pisado pelo parceiro.

Tricofilia: fetiche por cabelos e pelos.

Urofilia: excitação ao urinar no parceiro ou receber dele o jato urinário, ingerindo-o ou não.

Voyeurismo: prazer pela observação da intimidade de outras pessoas, que podem ou não estar nuas ou praticando sexo.

Zoofilia: prazer em relação sexual com animais.

Deu pra ter uma ideia? Realmente “há muito mais fetiches entre o céu e a terra do que sonha nossa vã sacanagem”. Mas afinal, qual será o fetiche de cada um que está presente aqui?

Fonte: Wikipédia

 

Gostou desta história? Fique à vontade para comentar!
Visite também nossa página no FACEBOOK e nos acompanhe no INSTAGRAM.
Convidamos você a fazer parte de nossa Lista de Transmissão e receber diariamente dicas e novidades de nossa Loja Virtual. Entre em contato conosco pelo número: (11) 94392-4247  para ser adicionado em nossa Lista Vip.
Caso esteja lendo este texto pelo celular, CLIQUE AQUI e fale diretamente conosco.

 

E-book Contos Fetiche: Histórias Deliciosamente Reais

Sobre o autor

Alessandra Amaral

Olá, sou Alessandra, criadora da Meus Fetiches, blog que fala de sexo, produtos eróticos e relacionamentos. Acredito que o sexo precisa ser mais explorado, por isso me especializei na área de produtos eróticos para auxiliar homens e mulheres a terem uma vida sexual mais intensa e gostosa.