Produtos

Como usar Chicote e Chibata para apimentar o sexo

Depois do incrível sucesso do livro e filme 50 Tons de Cinza ficou claro que a maioria das mulheres tem curiosidade de brincar com acessórios sadomasoquistas na hora do sexo. O fetiche pelo lado sado está cada dia mais presente na intimidade de muitos casais, já que cada vez mais pessoas se abrem para experimentar novas práticas para sair da rotina sexual e dar um sabor picante aos seus encontros íntimos.

Se a dominação agrada você e seu parceiro, então é hora de trazer à tona seus instintos dominadores! E nada melhor do que alguns acessórios fetichistas básicos para iniciar a prática. Se não sabe por onde começar, nós explicamos a você!

Que tal experimentar chicote e chibata, acessórios básicos e imprescindíveis nos jogos de dominação? Qual é diferença entre os dois? Antes de adquirir o brinquedo, você vai precisar saber um pouco mais de cada um.

chibatas preta e vermelhaChibata

Os amantes de um fetiche não dispensam o uso da chibata em suas fantasias sexuais. Esse acessório é semelhante a uma vara, com o diferencial de ter detalhe de couro na ponta. De cabo rígido, longo e fino, geralmente é utilizada para pequenos castigos. Pode ser encontrada nas cores preta, marrom ou em várias cores divertidas.

Para quem gosta de brincar de Dominação a chibata é o acessório ideal para representar controle e castigo, proporcionando um visual impactante e dominador aos jogos eróticos em que a envolvam.

Chicote

Já o chicote é o acessório que serve para “punir” o submisso desobediente durante as brincadeiras fetichistas. É formado por várias cordas unidas em um cabo, e varia muito no material, maciez e nas marcas causadas na pele. Tem o efeito psicológico da dominação, sem necessariamente provocar dor intensa. Ainda falando nos chicotes, podemos citar aqui outros tipos tais como:

chicote dominatrixFLOGGER – chicote curto com várias tiras. Os fios geralmente são de borracha, couro, courvin, borracha ou seda, e os modelos variam imensamente, desde os mais hardcore até os mais fofinhos. É composto por uma haste com cabo. É o mais vendido em sex shop, ideal para brincadeiras com toque sado (veja foto).

CHICOTE DE MONTARIA – digamos que é a “ferramenta padrão” das atividades BDSM. Consiste numa longa haste com cabo e a ponta com pequeno pedaço de couro. Com certeza despertará todos os seus sentidos no momento que tocar em você.

CHICOTE RABO DE GATO – este tipo de chicote é para um tipo sério de BDSM. Possui cabo de couro com tiras trançadas terminadas em um nó, com tiras menores saindo dos nós.

Ao contrário do que parece, a maioria dos chicotes não machucam de verdade, apenas fazem barulho e criam o clima de dominação. O mesmo acontece com as chibatas. O estímulo das chicotadas aumenta a circulação na pele, deixando a região mais quente e sensível ao toque. Muitas pessoas que nunca pensaram em tentar esta brincadeira viraram fãs depois da primeira experiência, por causa do aumento significativo do prazer.

Leia também:
– Conheça os principais acessórios fetichistas
– Dicas inspiradas em Cristian Grey
– Jogo erótico: você manda, ela obedece. 

Para uma diversão segura, quem vai bater deve escolher áreas menos delicadas e que de preferência sejam mais protegidas por músculos, como coxas e bumbum. Comece de leve, testando os limites do parceiro. Quando notar que a região está avermelhada prossiga com cuidado. Como faz parte da brincadeira a “atuação” de quem bate e quem apanha, combine uma palavra de segurança, para ser usada apenas quando alguém quiser realmente parar ou a dor ficar forte demais.

Dicas importantes

  • Ainda que possa parecer um brinquedo sexual muito forte, realmente o uso do chicote e a intensidade com que se aplique dependerá inteiramente do gosto do casal. As práticas fetichistas podem ser de intensidade muito leve, moderada ou mais forte, por isso não há nada a temer, pelo contrário, explorar é sempre a chave do prazer.
  • Uma vez que tenham escolhido o chicote indicado para vocês, já estarão prontos para dar uso e desfrutar de seus benefícios. Vocês devem estabelecer um código claro quando utilizam qualquer brinquedo sexual que, utilizado de forma excessiva, possa causar dano ao outro.
  • O uso do chicote ou chibata, bem como o de qualquer outro brinquedo sexual, deve ser feito em um ambiente totalmente privado e cômodo para o casal, no qual ambos se sintam à vontade para soltar as rédeas de todos os jogos e práticas sexuais que lhes inspiram mais desejo. Definitivamente não é um acessório para ser usado em rapidinhas…
  • Inicie os jogos sexuais como faz habitualmente, mas incorporando também o chicote como um elemento que gera prazer. Com as tiras do chicote acaricie o corpo de seu parceiro com ênfase em suas zonas erógenas. Quanto mais leve, melhor. Se houver uma venda nos olhos, irá criar ainda mais expectativa.
  • Use também o cabo para estimular o seu parceiro. Se for com uma garota pode utilizá-lo para a masturbação, fazendo que ambos se habituem à sua textura e presença na intimidade. Isso vale tanto para o chicote quanto a chibata.
  • Uma vez que ambos se tenham habituado ao chicote, podem começar a usá-lo como é habitual. Inicie sempre de forma muito suave e vá aumentando a intensidade das chicotadas à medida que a temperatura sobe. Para brincadeiras mais apimentadas, o ideal é intercalar chicotadas com carícias sensuais e beijos molhados para amenizar os impactos na pele.
  • Não é necessário o usar o chicote simultaneamente ao coito. Podem, por exemplo, aplicar uma rodada de chicotadas ou chibatadas em zonas como o peito, as pernas ou as nádegas, e depois partir para a penetração, ou utilizá-lo durante o ato sexual propriamente dito. Tudo dependerá do gosto de cada casal.
  • Leve em conta que as chicotadas devem ser alternadas com carícias e penetração para que o prazer seja maior. Comecem com uma primeira rodada de chicotadas até que se tenha atingido um limite da dor e um nível de dominação que satisfaça ambos, depois continuem com uma estimulação sem o uso do brinquedo. No momento que o prazer for crescendo, incorporem novamente o uso do chicote.
  • Se não fizer questão da dor no uso de chicotes, opte por chicotes curtos e com diversas tiras. Ao bater, faça com que a maior parte das tiras toquem a pele em sua extensão. Fica somente aquela expectativa do impacto e não a dor propriamente dita. Se tocar com as pontas das tiras do chicote, dói mais principalmente se usar muito a força.
  • O uso do chicote no sexo pode ser alternado também com outras práticas do BDSM e acessórios fetichistas, como coleira de submissão, venda para os olhos, mordaça, algemas etc. Estes elementos ajudarão a compor a cena e aumentar a excitação, recriando a fantasia sexual do dominante/submisso.

Detalhes sórdidos

chibataSaber açoitar é importante. O uso de chicote ou chibatas não é para os fracos! De um modo geral, as áreas que podem ser chicoteadas são as seguintes: parte de trás das coxas, ombros e bumbum. Se for usar a chibata pode usar a palma das mãos, braços, seios e genitais (de leve, por favor). É importante ficar longe da cabeça, rosto, pescoço, coluna e tecidos macios como barriga, onde tem muitos órgãos importantes. Chicotes e chibatas são sexy, mas é importante usar os brinquedos com segurança.

Outro detalhe é relacionado à higiene. Se as suas sessões vão ser muito intensas, esteja preparado para marcas. Nunca use um chicote não lavado com mais de um parceiro. E quando for limpá-lo use sabonetes neutros ou conforme o material do chicote ou chibata. Guarde-os em lugar seco e arejado para melhor conservação.

Depois é só começar de novo!

Blog Meus Fetiches

Gostou deste texto? Fique à vontade para comentar!
Convido você a conhecer nossa página no FACEBOOK e nos acompanhar através do INSTAGRAM
Diariamente muitas novidades para você!
 
Esta e outras dicas também são compartilhadas pelo Whatsapp. Se você tiver interesse em receber nosso conteúdo, adicione um dos números a seguir em seus contatos: (11) 94392-4247 – (51) 99969-0169
Caso esteja lendo este texto pelo celular, CLIQUE AQUI e fale diretamente conosco.

Sobre o autor

Blog Meus Fetiches

Meus Fetiches Sex Shop On-line. Loja especializada em brinquedos eróticos, vibradores e produtos sensuais, além de dicas e novidades sobre Sexo, Fetiches. Apimente o seu relacionamento!

Adicionar comentário

Receba nossas Novidades por E-mail

Newsletter
Email *